Postagens

Aprendendo a ser

Imagem
Estava escuro, era noite e diante tinha uma diante de mim uma casa rosa, alta, com luzes acesas e muito receptiva. Mas um pouco atrás de mim tinha a única referencia que eu tinha de mim naquele momento, mas que eu sabia que logo soltaria a minha mão. Do meu lado tinha duas malas, que eu nem sabia exatamente o que tinha dentro, nunca fui muito ligada em coisas entulhadas, sabia que ali tinha o que eu precisava para acordar no dia seguinte e recomeçar. O medo e a insegurança que senti naquele dia vivem em mim ainda hoje. Consigo sentir o pedaço de chāo debaixo dos pés que se despedaçava. Sinto no fundo dos olhos lágrimas que deveriam ser derramadas naquele dia, mas decidi guardá-las, porque foi assim que aprendi a ser: forte. Naqueles dias me voltei para o que conhecia realmente de mim, me reconectei com pessoas que eram bases das minhas primeiras descobertas enquanto pessoa. Tive tantas vontades de fugir, nunca de mim. Fugir de lá, fugir da situação que me coloquei, voltar para o q

Um passeio em Vizille - Château de Vizille - France

Imagem
Welcome back, Algumas imagens de uma visita rapidinha a cidadezinha de Vizille, que fica aqui pertinho de Grenoble. Lá tem um castelo do século XIV que hoje abriga um museu. Um lindo jardim para descansar e curtir um dia de calor. Mais informações:  https://musees.isere.fr/musee/domaine ... Me siga nas redes sociais: https://www.facebook.com/vania.dellat ... https://www.instagram.com/vaniadellat ... See you soon!

Um dia em: Picos de Europa - Espanha

Imagem
Welcome back, Um vídeo super curtinho em um dia tranquilo e sereno nas montanhas do picos de Europa! O mês era Outubro, era um dia de semana e fazia frio, essa é a razão pela qual o lugar estar super vazio! Que sorte a nossa!! Os Picos da Europa são uma formação montanhosa na Cordilheira Cantábrica, ao norte da Espanha e se dividem em três grandes maciços: O Ocidental ou Cornión, o Central ou dos Urrieles, e o Oriental ou de Ándara. As maiores altitudes encontram-se no Maciço Central onde os seus cumes superam os 2 600 metros de altitude. Enjoy and see you soon!!!

Sombra

Imagem
foto: vania d torre  E você, quando se olha no espelho, o que vê? Tem sombras por detrás de você? Tem lábios que você teima em morder? Tem bichos de pelúcia que refletem o que um dia foi você? Você levanta a cabeça? Mexe os cabelos, sorri de canto de boca? Se acha bonita? O que vê por de trás do reflexo que quer ser você? Vê gavetas que não se fecham? Vê cores que alegram? Consegue enxergar os pensamentos pelos quais navega? O que enxerga quando a cabeça um pouco levanta?  Vê luz e paz? Ou vê pedras quentes que você não suporta mais? Qual a sensação de sentir a respiração enquanto tem nós nas mãos? Qual o remédio dar para você que não consegue se amar?  Qual a palavra usar para você que não consegue se enxergar? Ou será eu que, na verdade me encontrei, em todo esse caos que você me apresentou, na escolha de vida que você abraçou?

Dias e noites

Imagem
Estava escuro, era noite,  e diante tinha uma casa rosa, alta,  com luzes acesas e muito receptiva, mas um pouco atrás de mim tinha a única referência que eu tinha de mim naquele momento, mas que eu sabia que logo soltaria a minha mão. Do meu lado tinha duas malas, que eu nem sabia exatamente o que tinha dentro, nunca fui muito ligada em coisas entulhadas, sabia que ali tinha o que eu precisava para acordar no dia seguinte e recomeçar. O medo e a insegurança que senti naquele dia é vivo em mim até hoje, consigo ainda sentir o pedaço de chão que estava se despedaçando  debaixo meus dos pés, sinto no fundo dos olhos as lágrimas que deveriam ser derramadas naquele dia, mas decidi guarda-las porque foi assim que aprendi a ser: forte. Naqueles dias me voltei para o pouco que restava realmente de mim, me reconectei com pessoas que eram bases das minhas primeiras descobertas enquanto pessoa. Tive tantas vontades de fugir, nunca de mim, fugir de lá, fugir da sit

Preguiça

Não é fácil, não é simples,  É chato, é difícil, é longo, é cansativo. Não é como sorvete de flocos em dia de verão, não é castelinho de areia no chão. É exaustivo, é dolorido, é solitário, é parede de retalhos. Não é contentamento instantâneo, não é taça de vinho caro, eu diria um espantalho. É vontade que tem que muito forte existir, é mente que precisa persistir, quando o corpo quer apenas dormir Não é encantador, não é só de amor, é também muita dor. Não é café em fim de tarde, não é um amor desmedido, não é uma sonhada viagem pra marte. É reclamação que não acaba mais, é batalha entre nos dois, e a desculpa e a preguiça que precisam ficar pra depois.

Volta

Imagem
Voltei porque ouvi um suspiro Voltei sem nenhuma razão, voltei porque adoro ouvir não Voltei porque a chuva passou, o dinheiro não acabou, a terra parou e ninguém me contou Voltei sem baruho nenhum fazer, até porque de tudo a gente aprende a ver Voltei por debaixo da porta, pela pequena abertura na janela, voltei como um sopro que sai da boca dela Voltei sem muito pra falar, sem muito pra questionar, voltei porque aqui é o meu lugar Voltei pra ficar e a partir de hoje não vou mais te abandonar!